SoluçõesCasesAcademiaBlogTalentosInstitucional
Ensino

Tipos de Franquias: 6 que Você Precisa Conhecer [+Procurados]

Entender quais tipos de franquias existem no mercado é o primeiro passo para quem busca empreender nesse modelo de negócio.

Com a economia se recuperando diariamente após passar por períodos tão nebulosos, investir em uma franquia é uma opção de empreendimento com retorno praticamente garantido.

Ainda mais quando essa escolha conta com o suporte de especialistas no assunto, que identificam as melhores oportunidades através da análise de mercado.

Afinal, decidir sozinho em qual franquia investir pode te levar a tomar decisões equivocadas e acabar com as chances de sucesso do negócio.

Por isso, preparamos esse conteúdo completo com tudo o que você precisa saber sobre os diferentes tipos de franquias, para colocar em prática o sonho de ter seu próprio empreendimento, confira!

6 tipos de franquias mais comuns

Conheça agora os tipos de franquias mais comuns aqui no Brasil e descubra qual desses projetos faz sentido para seus objetivos.

1. Franquia Unitária

É um dos tipos de franquias mais comuns, onde o franqueado compra do franqueador o direito de abertura de um ponto de venda da marca, em uma região determinada pelo franqueador.

No caso de uma loja em um shopping, por exemplo, o franqueado dessa loja possui exclusividade de atuação dessa marca naquela localidade.

Ou seja, o franqueador dono da marca não pode autorizar que seja aberta outra unidade de sua franquia nesse mesmo shopping.

Porém, nada impede que o franqueado adquira outras unidades em regiões que ainda não tenham pontos de venda da marca.

2. Franquia Máster

No caso da franquia máster, o franqueado adquire do franqueador o direito de abrir vários PDVs da marca em uma região estipulada.

Ou seja, o franqueador tem a obrigação de abrir várias lojas da marca na região que lhe foi concedida, ou pode terceirizar essa implementação dentro da sua região, ganhando escalabilidade.

Por exemplo, o franqueado adquire uma região de exclusividade, abre duas unidades por sua conta e terceiriza a abertura de mais duas ou três estabelecimentos dentro da sua região.

Apesar de o investimento inicial ser alto, o retorno é proporcional, pois além do lucro dos seus pontos de venda, o franqueado recebe parte do faturamento de todas as unidades de sua região.

quais os tipos de franquias

3. Microfranquia

Com a economia do país voltando ao normal, muitos brasileiros buscam empreender em microfranquias, por isso esse modelo de negócio vem crescendo cada vez mais.

Nesses tipos de franquias, o investimento inicial varia entre R$ 22 mil a R$ 86 mil, sendo considerada uma boa opção para quem está abrindo sua primeira franquia.

Além de produtos, é possível encontrar microfranquias de serviços especializados, que não demandam locais fixos de comercialização, onde o franqueado presta o serviço direto na residência do cliente.

O retorno do capital investido acaba aparecendo rápido, porque geralmente o próprio franqueado é quem atua na frente do negócio, evitando gastos com contratação de funcionários.

4. Shop in Shop

Esse modelo de franquia pode ser traduzido como “loja dentro de uma loja”, também  conhecido como “business in” e é exatamente assim que ela deve funcionar.

Quando um empreendedor já possui um comércio aberto, ele pode implementar nele um ponto de venda de uma franquia, como um quiosque lá dentro.

Muitas vezes, os produtos ou serviços da franquia vão complementar o que já está sendo comercializado ali.

Pode ser, por exemplo, uma franquia de bijuterias dentro de uma loja de roupas femininas ou de cosméticos em um salão de beleza.

O objetivo é potencializar o lucro dos dois empreendimentos, aproveitando o público que já frequenta o estabelecimento e atraindo também novos clientes.

5. Franquia de Conversão

Franquia de conversão é uma opção para um empreendedor que já possui um negócio e deseja transformá-lo em uma unidade de franquia do mesmo segmento.

Algumas das vantagens dessa transição é contar com a padronização dos produtos ou serviços oferecidos, aproveitar a expertise da marca no processo de venda e ainda poder usar todas as estratégias de marketing que aquela franquia já possui.

Os empreendedores dos mais diversos segmentos podem investir nessa conversão; por exemplo, academias, pet shop, escolas de idiomas, farmácias, lavanderias e mercados.

Com isso, um estabelecimento simples de bairro pode passar a ser uma rede de franquia conceituada no mercado, ampliando sua visibilidade e mantendo o atendimento dos clientes que já frequentavam o local.

6. Franquia Combinada

Na franquia combinada, diferentes redes de negócios dividem um mesmo ponto comercial, com produtos ou serviços que se complementam.

Nesse modelo de empresa, um único franqueado adquire as franquias, com consentimento dos franqueadores em integrar as marcas.

Um exemplo comum desses tipos de franquias são os postos de gasolina que instalam no local uma franquia de loja de conveniência.

Qual a diferença entre franquia máster e unitária?

Na franquia máster, o franqueado adquire do franqueador uma região onde poderá instalar várias unidades da mesma rede, podendo inclusive terceirizar parte das unidades e lucrar com uma porcentagem de faturamento delas.

Já na franquia unitária, o franqueador concede a abertura de uma unidade em um local determinado por ele, sendo que o franqueado pode adquirir mais de uma unidade em diferentes locais, conforme seu poder de investimento.

Quais as franquias mais procuradas no Brasil?

De acordo com informações da ABF (Associação Brasileira de Franchising), as maiores redes de franquia do país são:

  • O Boticário;
  • McDonald’s;
  • Cacau Show;
  • Subway;
  • Am/Pm.

qual tipo de franquia abrir

Qual tipo de franquia abrir?

Na hora de escolher qual tipo de franquia abrir, além de pensar no capital que você tem disponível para investir no negócio, é importante pesquisar o ramo de atuação.

Isso porque, geralmente, o franqueado faz parte da rotina do negócio, trabalhando no comando do ponto de venda ou até mesmo prestando o serviço oferecido.

Então, considere um ramo que você gostaria de atuar ou que já possui algum conhecimento, e evite os segmentos que não se identifica.

Para te ajudar na escolha, confira nosso artigo com as 10 tendências de mercado para esse ano.

Qual a melhor franquia do momento?

Não existe uma única franquia que seja a melhor no momento, muitas redes oferecem ótimo suporte aos franqueados com previsão de boa rentabilidade.

Fatores como a localização, o segmento de atuação e a concorrência que essa região já possui devem ser considerados.

Por isso, contar com o suporte de especialistas faz toda a diferença no sucesso do negócio, então não deixe de conferir as soluções que a Geofusion pode te oferecer.

Conclusão

Agora que você conhece os diferentes tipos de franquias, pode estudar qual delas faz sentido para você e planejar os próximos passos para se tornar um franqueado de sucesso.

Veja também

Varejo/Serviços
16.05.2022 | Por Geofusion

Tipos de Pesquisa de Mercado: 9 Melhores para Seu Negócio

Leia mais
EnsinoFinanceiroImobiliárioIndústria de Bens de ConsumoMídia OOHNotíciaSaúde/SeguradoraVarejo/Serviços
11.05.2022 | Por Marina Mendonça | 10 min

Confira tudo que aconteceu no Geo On The Road em Curitiba

A segunda edição deste evento trouxe convidados e tendências incríveis sobre o mercado. Saiba mais

Leia mais
Varejo/Serviços
10.05.2022 | Por Geofusion

Funil de Vendas: 3 Dicas para Fazer o da Sua Empresa [2022]

Leia mais